Tagged: comida

Olá leitores do blog! Vocês já ouviram falar em alimentos trangênicos? Sabia que diariamente você come alimentos que não são naturais e que a comunidade cientifica tem dúvidas sobre os riscos a saúde humana?

Por essas e outras os alimentos trangênicso se tornaram polêmicos, e cabe a você conhecer essa situação e saber se vai evitá-los ou não. “Sem mais demoras vamo q vamo para explicação:”

alimentos trangênicos

O que são Trangênicos?

Transgênico é a denominação para organismo geneticamente modificado. Isso mesmo, uma mudança no código genético (DNA) no qual não podemos enxergar.

Onde estão?

Nos seres vivos: plantas, animais e micro-organismos.

Para que finalidade se produz um orgânismo trangênico?

São vários os motivos, no caso dos alimentos, para inserir nutrientes e garantir resistência à pragas e agrotóxicos por exemplo. Na área da saúde, temos a produção de insulina por bactérias transgênicas, tornando essa síntese mais rápida e eficiente.

Um transgênico é produzido selecionando o gene responsável pela característica desejada e em seguida faz-se a transferência desse gene para outro organismo alvo. (Por exemplo, selecionando o gene responsável pelo ômega 3, natural de uma planta chamada prímula, e transferindo-o para a soja).

Bom, agora que já sabemos o básico sobre os transgênicos, vamos ao que interessa: talvez você esteja ingerindo alimentos transgênicos diariamente sem saber, e pior ainda, sem saber se isso pode te prejudicar.

Por acaso você conhece esse símbolo?

simbolo_transgenicos

Ele é obrigatório na embalagem de produtos elaborados a partir de transgênicos. Comece a reparar quando for ao supermercado fazer compras… A maioria dos óleos de soja comercializados por aí são produzidos a partir de soja transgênica. Tem também biscoitos da Seven Boys, e os salgadinhos de milho da Elma Chips elaborados a partir de milho transgênico. Sem contar que ainda não consegui encontrar uma ração de cachorro que não seja transgênica!

Pois é, só pelo óleo de soja já deu para perceber que estamos ingerindo alimentos transgênicos diariamente né?! Mas sabe o que é pior? Ainda não se sabe os efeitos da ingestão de transgênicos a longo prazo, nem seus efeitos ao meio ambiente (propagação/contaminação de espécies não transgênicas). Sei lá se isso pode provocar uma mutação na própria soja e fazer com que ela produza toxinas e substâncias maléficas a nós…  Sem contar que, para esses alimentos serem liberados para o consumo, são feitos alguns testes, e na decisão final sempre tem uns 2 cientistas no meio de 10 que são contra a liberação exatamente porque faltam pesquisas mais detalhadas sobre os efeitos de se ingerir transgênicos.

Bom, pra mim isso é o suficiente para ficar desconfiada. Afinal o que mais interessa às indústrias é saber se você está consumindo seus produtos… É por isso mesmo que eu evito comer alimentos transgênicos, e recomendo a adoção dessa prática. É melhor prevenir até que se saiba exatamente dos potenciais riscos. Já ouvi falar em pesquisas feitas com ratos, no qual os que comiam ração transgênica tinham maior incidência de câncer que os demais…

Abaixo uma boa reportagem para complemento sobre o assunto abordado:


Bookmark e Compartilhe

Fala Galera! Estamos aí iniciando mais um ano em que todos esperamos sermos melhores e com muita saúde onde muitos prometem praticar esportes e ter uma melhor dieta com um grande copo de refrigerante e salgadinhos super gordurosos em mãos. Pelo menos é o que acontece todo ano!

passagem de ano

Acho uma grande ironia da nossa cultura ver o exagero como sinônimo de fartura nas festas. Aqui em casa mesmo sobrou bastante doces e frituras e sei que resistir a essas tentações é difícil. Por isso sei que você exagerou, talvez com a velha desculpa do “Só Hoje“. Não entendeu? É o seguinte: Você está rodeado de alimentos gostosos para comer e pensa: “vou exagerar, eu sei, mas é só hoje”, afinal ano novo é uma vez no ano. O problema é que você não se lembra que no ano passado falou isso 200 vezes no aniversário do priminho de um ano, na saída para balada, no barzinho com os amigos do trabalho, no natal, na páscoa, no carnaval… Entendeu agora né espertinho?!

E o problema não é comer panetone de chocolate ou tomar cerveja com os amigos na passagem de ano, mas sim mentir para você mesmo o ano todo. E pensando nisso sei que muitos gordinhos estão desesperados. Gente muita calma nessa hora, dá para recuperar o estrago, sempre tem um outro dia. Então vamos às dicas sobre o assunto?

Vamo q vamo!

  • Coma frutas e verduras: Não somente por serem alimentos leves, mas até mesmo por aquela sensação de fazer o certo sabe? Aquela “sensação de desintoxicação” é importante para o psicológico nessas horas;
  • Tome bastante água: Eu falei água e não refresco com adoçantes viu? Principalmente nesse verão de Janeiro que ainda promete regaçar no início desse ano;
  • Faça a bendita da atividade física: Essa daí não tem como escapar não, vê se liga para um amigo(a) que também se sentiu culpado e convença-o a dar uma corrida, kkkkkk…. Uma boa estratégia né!?
  • Coma fracionado: Como falei, sei que sobra comida do final de ano, mas e aí, vai jogar fora? Se abrir a geladeira e colocar a mão onde não devia, pelo menos coma a sobremesa numa pequena porção três horas depois do almoço e não junto… Ok?

Sejamos realistas, exageramos às vezes mesmo, então o jeito é correr atrás e não desanimar, tudo se trata de hábitos e valores e com o tempo você vai até gostar deles, falo por experiência própria.

 

 


Bookmark e Compartilhe